quinta-feira, 15 de janeiro de 2015

Não fuja do destino


As vezes seguimos achando que podemos ter todas as escolhas nas mãos. Achamos poder controlar tudo e nos esquecemos quem somos e de onde viemos. Palavras engasgadas podem significar vidas perdidas. Somos intuídos diariamente a seguir conforme nos acomodamos em nossas rotinas, mas a verdadeira intuição, aquela do coração, desdenhamos e a deixamos de lado para dar vazão à nossas vontades. Somos frutos da mesma árvore, da mesma fonte de luz eterna e superior, não podemos nos esquivar quando Ele nos pede pequenos favores para alimentar almas famintas. Sim, alguns ou a maioria de nós tem algum tipo de dom, e ele nunca é em favor próprio. Busquem no consolo do próximo a proximidade que tanto espera com teu Criador. Sede mansos e pró-ativos também. Essa obra não funciona sem todos os trabalhadores.